Alta performance E Desenvolvimento Pessoal

From Human's Love
Jump to: navigation, search

4 Atitudes Para Ser Mais Feliz!



Estamos habituados a pensar e sentir que um relacionamento é bom quando tem paixão, sexo, intensidade, e que não é bom quando não tem estas coisas. Claro, não é um defeito haver paixão, sexo e intensidade. É excelente. O problema é crer que isso seja a melhor apoio para o relacionamento, o melhor critério de particularidade, que sem isto algo esteja incorreto.



Não há como aguentar o jogo sexual por muito tempo (e nem é necessário). Se apostarmos nisto e o tomarmos como referencial, no momento em que ele flutuar - e ele vai flutuar - vamos dizer que a ligação entrou em recessão, perdeu qualidade. Como Retirar Pessoas Que Nos Fazem Mal , quem disse que esfriar é alguma coisa negativo? “O antídoto pra insensibilidade não é “manter o fogo”, 5 Maneiras Divertidas De Monetizar Uma Conta Do Instagram , “apimentar a relação”. Focar no respectivo relacionamento, utilizar a criatividade, averiguar fantasias, viajar próximo; tudo isso dá certo, claro, porém não fornece para preservar tal frescor por muito tempo. O antídoto pra indiferença em um casal localiza-se pela existência dele e pela existência dela, não tanto no respectivo casal. Está mais no “Eu” e menos no “Nós”.






  1. Intercomunicação como atitude no local de trabalho




  2. sessenta e seis - O paraquedas me disse: Estou contigo e não abro




  3. A Corrente do Bem




  4. Passe um tempo a sós com teu amor




  5. Como devo usar ACTIONPRO






Não é necessariamente um dificuldade haver pouco sexo entre um casal. A dificuldade é não haver essa energia execução que fornece existência para relação - e que por um tempo brotou pelo jogo da paixão e do sexo. Há um nível sutil de sofrimento no vigor com intenção de sustentar esse jogo rolando, mesmo enquanto o relacionamento é tido como prazeroso, com sexo de característica e tudo mais.



O fogo exige uma manutenção frequente. Já que quem está fugindo não quer ser pego, e quem quer pegar na realidade não quer pegar - o que se quer é que o jogo e o movimento sejam mantidos. É daí quem vem o tesão, o brilho, a vivacidade - do jogo, do movimento, da dança.



Imagino que esta seja a verdadeira base do sexo, e que ela podes ser ativada e alimentada mesmo sem atividade sexual. Solucionar o jogo implica em monotonia e inexistência de movimento; conservar o jogo supõe seguir o movimento. Eu diria ainda mais: este movimento supõe um grau de independência, que por sua vez supõe um nível de insegurança e susto. Ou seja, a própria coisa que desejamos banir das relações é o que cria a tensão que as mantém. A independência, o horror e a insegurança são a eletricidade que gera o magnetismo. É possível ingerir uma mulher sem tocá-la. Fazer sexo é só o jeito mais grosseiro e desesperado de exercer penetração, alcance e acolhida.



Tem outros jeitos pra se fazer a mesma coisa. E ela vai aprensentar todos os sintomas de estar sendo comida: vai ter brilho no olho, Homem De Mello Consultoria soltinha, se sentir segura, feliz, satisfeita, se deixar conduzir, enfim, o pacote completo. E o homem, do mesmo modo, vai se notar exercido, estável, confiante. Quando o casal percebe essas coisas, uma nova base já está estabelecida.



E esta base agora é bem menos flutuante e estreita do que a primeira. Aí há oportunidadess de que a intensidade reapareça de algumas maneiras, sem precisar em tão alto grau do sexo em si. Por ventura até mesmo sem ser obrigado a de uma relação amorosa. É possível (mesmo quando bem diferente) que os dois entendam essa dinâmica toda e trabalhem lado a lado pra cortar o potencial que têm afim de sofrer no momento em que a sustentação nesse e de qualquer outro jogo flutuar.



Já, curiosamente, esse método parece fazer com que a pessoa se torne mais radiante e atrativa, inclusive sexualmente. É um defeito botar os relacionamentos no centro da nossa existência, como se todas as escolhas de movimento que temos dependessem nesse eixo, exclusivamente. Não aspiro, com isto, Como é Feito O Tratamento Com Hormônio Do Avanço (GH) os relacionamentos não mereçam nossa atenção, que eles não sejam valorosos e possam nos socorrer a elaborar vidas boas e saudáveis. No entanto o ponto é que eles são capazes de fazer isto, só conseguem, como diversas algumas coisas são capazes de.